MiniGuia de Lisboa

Lisboa é uma das cidades mais lindas do mundo, e não é por ser a minha, mas é verdade que tem um encanto especial, uma luz que seduz e uma autenticidade, que hoje em dia já não é fácil de encontrar.

Desde miúda que sempre recebi gente de visita, se não eram os primos que vinham de Luanda, eram amigos que fui fazendo nas minhas viagens; ou até turistas que conhecia pelas ruas e nem sei bem como, acabavam a dormir lá em casa. Mas todos os anos havia alguém com quem passeava e a quem mostrava a cidade, como se também eu fosse turista.

Durante os anos da universidade passava todo o meu tempo livre a descobrir cafés, livrarias e esplanadas em pracinhas escondidas pelas ruas de Alfama; dominava o Bairro Alto de dia e de noite e não havia um Miradouro onde já não me tivesse sentado a ler um livro. Foram anos em que vivi Lisboa tão intensamente, que ainda hoje relembro essa época com saudade.

Fazer de cicerone começou a ser desde muito cedo um traço marcado na minha personalidade e quando me mudei para Barcelona ficou ainda mais evidente.

Aqui, além dos amigos que querem visitar Lisboa, comecei também a receber os que de lá vêm para visitar Barcelona.

De repente dar dicas passou a ser algo rotineiro e sempre que alguém visita uma das duas cidades, tenho já um guia preparado para a ocasião.

Ontem partilhei-o novamente, com uma amiga que visitará Lisboa pela primeira vez e fez-me pensar que já é hora de o publicar aqui no Blog. Partilho a versão em Português, mas tenho também uma em Castelhano e outra em Inglês.

Este miniguia de Lisboa é 100% “artesanal e espontâneo”, não tem intensões de fazer publicidade a nenhum sítio em especial e é apenas um rápido apanhado de algumas das coisas que eu faria, se fosse turista em Lisboa durante 2 ou 3 dias. Há muitíssimos outros locais para visitar, restaurantes para comer, bares para ir de copos e sítios para dançar; mas ao ter que escolher, estas opções parecem-me as mais ecléticas e capazes de agradar  ‘a gregos e a troianos’.

Dependendo dos amigos que vão de visita, recomendo sempre coisas diferentes; se procuram ambiente gay, se vão em busca de uma viagem gastronómica, se gostam dos locais mais da moda, ou dos mais alternativos, se apenas querem estar um dia e rumar às praias à volta da cidade, enfim… Lisboa tem muitas caras, muitos ambientes, uma diversidade cultural cada vez maior; mas mesmo assim, não perde aquilo que apaixona quem a visita…

..Aquele segredo bem Português, que só nós é que sabemos!!

miniguia-de-lisboa

img_3986-1img_3987-1

img_3994-1

img_3992-1img_3944-1img_3946-1img_3945img_3948-1img_3950-1img_3947-1img_3951-1img_3953img_3956img_3958img_3959-1img_3960img_3967img_3968

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s